NEOARQUEO
04 janeiro 2011
  IRÃO…o antigo Império PERSA

O actual Irão foi na Antiguidade conhecido como Pérsia. O Império Persa (559-331 a. C.) compreendia no seu povo dois grupos, os Medos e os Persas, que fizeram a sua migração da Ásia Central pata a Pérsia há cerca de 2800 anos.
No início os Medos eram muito poderosos. Depois, Ciro, o rei dos persas, rebelou-se contra os Medos e assumiu o controlo. Ciro, o Grande, transformou a Pérsia no centro de um novo e poderoso Império. A sua capital era Ectábana, na Rota da Seda, que agora está soterrada sob a moderna cidade de Hamadão.
Foi este rei que conquistou e fundou um Império que se estendia do Mediterrâneo ao Afeganistão. Mais tarde o rei Dário I expandiu o império persa até à Grécia e Índia.
Dário I construiu estradas e cidades comerciais encorajando o desenvolvimento do comércio.
Os persas controlaram, na Antiguidade, o extremo ocidental da Rota da Seda a partir da China e todo o comércio da Índia para o Mediterrâneo. Mais tarde os gregos levaram este império à sua queda conquistando-o, com Alexandre, o Grande.
Os Persas foram, de igual modo, importantes na cultura e religião: adoravam um deus único, Aura Mazda. O seu grande profeta era Zaratrusta. Esta religião não atingiu dimensão mundial, porém teve influência noutras grandes religiões, como o Cristianismo. Esta influência vê-se claramente no bíblico Livro das Revelações.
Hoje, o Irão é uma república muçulmana, muito ortodoxa, com uma orientação política subjugada à religião. Já não detém o comércio da Rota da Seda, mas são os senhores do petróleo, e não raras vezes contribuem directa ou indirectamente para o desequilíbrio da harmonia e paz do mundo.

PS Este Post foi transferido para data posterior por questões técnicas.


 
<$Comentários$>:
Uauuu, bonita imagem!
:-)

Qt às Grandes Civilizações
ou Impérios...eu penso isto:

http://sulista.blogspot.com/2007/01/grandes-civilizaes.html


Bjs
 
Zaratrusta!? Esse deu um título ao grande maluco Friedrich Nietzsche . Gostei do texto faz um resumo completo em algumas pinceladas (não fosse o homem pintor). È um povo que me fascina até porque foi por ali que inventaram escrita cuneiforme e roubaram a cerveja aos Egípcios e difundiram-na (ainda não era fresca).

Um abraço
 
A historia de uma forma ou outra repete-se, os cavalheiros continuam a dominar e muito mais agora do que no tempo da "Rota da Seda"!
E vao continuar a dominar enquanto nos ocidentais nao pusermos em accao a tecnologia ja existente e deixar-mos de depender desses fanaticos!

Um abraco amigo.

Ps: Tem passado no http://aquidalgodres.blogspot.com/ tem sido abordado ai um tema que lhe deve interessar!
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial
Espaço para reflexões sobre Património Cultural, Arqueologia, Historia e outras ciências sociais. Gestão e Programação do Património Cultural. Não é permitida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo deste blog sem o prévio consentimento do webmaster.

A minha fotografia
Nome:

António Tavares. Arqueólogo e Gestor do Património Cultural. Actividade liberal, Arqueoheje e Município de Mangualde.


Arquivo
Setembro 2005 / Outubro 2005 / Novembro 2005 / Dezembro 2005 / Janeiro 2006 / Fevereiro 2006 / Março 2006 / Abril 2006 / Maio 2006 / Junho 2006 / Julho 2006 / Agosto 2006 / Setembro 2006 / Outubro 2006 / Novembro 2006 / Dezembro 2006 / Janeiro 2007 / Fevereiro 2007 / Março 2007 / Abril 2007 / Maio 2007 / Junho 2007 / Julho 2007 / Setembro 2007 / Outubro 2007 / Novembro 2007 / Fevereiro 2008 / Abril 2008 / Maio 2008 / Setembro 2008 / Outubro 2008 / Novembro 2008 / Dezembro 2008 / Março 2009 / Abril 2009 / Maio 2009 / Junho 2009 / Julho 2009 / Agosto 2009 / Setembro 2009 / Outubro 2009 / Dezembro 2009 / Janeiro 2010 / Abril 2010 / Junho 2010 / Setembro 2010 / Novembro 2010 / Janeiro 2011 / Fevereiro 2011 / Março 2011 / Abril 2011 / Maio 2011 / Junho 2011 / Julho 2011 / Agosto 2011 / Setembro 2011 / Outubro 2011 / Novembro 2011 / Dezembro 2011 / Janeiro 2012 / Abril 2012 / Fevereiro 2013 / Junho 2013 / Abril 2016 /




Site Meter

  • Trio Só Falta a Mãe
  • Memórias de Histórias
  • arte-aberta
  • Rede de Artistas do Arte-Aberta
  • Museu Nacional de Arqueologia
  • Abrunhosa do Mato
  • CRDA
  • Instituto Arqueologia
  • Terreiro
  • O Observatório
  • Domusofia
  • O Mocho
  • ACAB
  • O Grande Livro das Cabras
  • Teoria da conspiração e o dia dia do cidadão
  • O meu cantinho
  • Escola da Abrunhosa
  • O Fornense
  • Um Blog sobre Algodres
  • d'Algodres:história,património e não só!
  • Roda de Pedra
  • Por terras do Rei Wamba
  • Pensar Mangualde
  • BlueShell
  • Olhando da Ribeira
  • Arca da Velha
  • Aqui d'algodres
  • n-assuntos
  • Universidade Sénior Mangualde
  • Rotary Club de Mangualde
  • galeriaaberta
  • Francisco Urbano
  • LONGROIVA
  • Kazuzabar