NEOARQUEO
04 janeiro 2011
  Pontos de venda do meu e vosso Livro...
Na sequência do Lançamento do Livro que recentemente apresentei, vários foram já os pedidos do mesmo. Assim, informo que o Editor, o Grupo Cultural e Recreativo de Santo Amaro de Azurara, vai colocar à venda os livros nas melhores livrarias e papelarias da cidade de Mangualde, a partir do dia 11 de Março 2008. Esta é uma forma que a Editora e eu encontrámos para celebrar e homenagear os caídos no acto terrorista que aconteceu em Madrid há 4 anos.
Porém, quem não puder deslocar-se a Mangualde fica aqui o endereço da Editora à qual poderão ser solicitados todos os exemplares desejados:

gcr.audiovisuais@netvisao.pt

PS Este Post foi transferido para data posterior por questões técnicas.
 
<$Comentários$>:
Parabens e boa sorte com o livro.
Quando for a portugal comprarei um exemplar.
 
Parabens
 
Tavares, venho aqui publicamente pedir desculpa por não ter estado presente no Lançamento do teu livro, cujo convite tiveste a amabilidade de mo fazer chegar pessoalmente, mas por motivos familiares não me foi de todo possível.
Parabéns pelo livro e pela dedicação ao nosso património.
Já agora aproveito para dizer que para fins do Geocaching, irei brevemente usar partes de textos teus do blog sobre a Torre de Gandufe. Espero não haver inconveniente.

Peço ainda desculpa por só agora aqui deixar esta mensagem, mas (como aliás poderás comprovar pela falha nas actualizações do meu blog) tenho andado curto de tempo!

Abraço.
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial
Espaço para reflexões sobre Património Cultural, Arqueologia, Historia e outras ciências sociais. Gestão e Programação do Património Cultural. Não é permitida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo deste blog sem o prévio consentimento do webmaster.

A minha fotografia
Nome:

António Tavares. Arqueólogo e Gestor do Património Cultural. Actividade liberal, Arqueoheje e Município de Mangualde.


Arquivo
Setembro 2005 / Outubro 2005 / Novembro 2005 / Dezembro 2005 / Janeiro 2006 / Fevereiro 2006 / Março 2006 / Abril 2006 / Maio 2006 / Junho 2006 / Julho 2006 / Agosto 2006 / Setembro 2006 / Outubro 2006 / Novembro 2006 / Dezembro 2006 / Janeiro 2007 / Fevereiro 2007 / Março 2007 / Abril 2007 / Maio 2007 / Junho 2007 / Julho 2007 / Setembro 2007 / Outubro 2007 / Novembro 2007 / Fevereiro 2008 / Abril 2008 / Maio 2008 / Setembro 2008 / Outubro 2008 / Novembro 2008 / Dezembro 2008 / Março 2009 / Abril 2009 / Maio 2009 / Junho 2009 / Julho 2009 / Agosto 2009 / Setembro 2009 / Outubro 2009 / Dezembro 2009 / Janeiro 2010 / Abril 2010 / Junho 2010 / Setembro 2010 / Novembro 2010 / Janeiro 2011 / Fevereiro 2011 / Março 2011 / Abril 2011 / Maio 2011 / Junho 2011 / Julho 2011 / Agosto 2011 / Setembro 2011 / Outubro 2011 / Novembro 2011 / Dezembro 2011 / Janeiro 2012 / Abril 2012 / Fevereiro 2013 / Junho 2013 / Abril 2016 /




Site Meter

  • Trio Só Falta a Mãe
  • Memórias de Histórias
  • arte-aberta
  • Rede de Artistas do Arte-Aberta
  • Museu Nacional de Arqueologia
  • Abrunhosa do Mato
  • CRDA
  • Instituto Arqueologia
  • Terreiro
  • O Observatório
  • Domusofia
  • O Mocho
  • ACAB
  • O Grande Livro das Cabras
  • Teoria da conspiração e o dia dia do cidadão
  • O meu cantinho
  • Escola da Abrunhosa
  • O Fornense
  • Um Blog sobre Algodres
  • d'Algodres:história,património e não só!
  • Roda de Pedra
  • Por terras do Rei Wamba
  • Pensar Mangualde
  • BlueShell
  • Olhando da Ribeira
  • Arca da Velha
  • Aqui d'algodres
  • n-assuntos
  • Universidade Sénior Mangualde
  • Rotary Club de Mangualde
  • galeriaaberta
  • Francisco Urbano
  • LONGROIVA
  • Kazuzabar